quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Torta de Claras com Doce de Ovos e Canela


Aqui está uma sobremesa que na família todos gostam e que nunca tinha feito! Havia sempre alguém que comprava na pastelaria e por isso nunca se proporcionou. Até que uma amiga da minha mãe pediu para lhe fazer uma torta destas no Natal... ai ai ai que não tinha nenhuma receita e ainda por cima nas pesquisas que fiz não havia uma única que fosse igual à outra!!! Foi difícil e acabei por usar dicas de várias receitas e fiz a minha própria versão que correu lindamente :) o truque para obter sucesso com este tipo de torta é cozer em temperatura baixa para dar tempo das claras cozinharem e não 'murcharem' depois que sai do forno (abate sempre um bocado, sempre!, mas não muito).


Vamos lá à receita:

Doce de Ovos
12 gemas de ovo
340g de açúcar branco
340 ml de água

Comece por passar as gemas por um coador para retirar as películas e evitar o gosto a exagerado a ovo. 
Num tachinho coloque o açúcar e a água, leve ao lume e deixe ferver por uns 10 minutos para reduzir um pouco e fazer uma calda.
Retire do lume e deixe arrefecer até estar bem morno.
Junte as gemas, mexa bem e leve ao lume brando, mexendo sempre até obter um creme mais espesso (deve ficar com consistência para escorrer pela torta mas não demasiado líquido).
Retire do lume (se achar que ficou com grumos - às vezes deixamos o lume muito alto e as gemas cozem demais - passe o creme acabado de retirar do lume por um coador e esprema bem com uma colher para desfazer os grumos) e deixe arrefecer completamente.

Torta
12 claras de ovo à temperatura ambiente
sumo de meio limão pequeno
12 colheres de sopa de açúcar branco
manteiga para untar e açúcar branco para polvilhar
canela em pó qb para rechear e polvilhar a torta (opcional)

Ligue o forno a 150 ºC (se o forno for muito forte coloque a 125 ºC ou 130 ºC).
Na taça da batedeira coloque as claras e bata até estarem a fazer espuma.
Junte o sumo de limão de deixe bater uns 5 minutos em velocidade alta.
Adicione o açúcar colher a colher e bata mais uns 5 minutos para dissolver bem o açúcar e obter um merengue firme.
Forre um tabuleiro largo do forno (o meu tem cerca de 40 cm por 35 cm) com papel vegetal, unte com manteiga e depois polvilhe com açúcar branco. Coloque o merengue no tabuleiro e espalhe de forma uniforme.
Leve ao forno por 20 minutos (até o merengue estar douradinho por cima e resistente ao toque, dou umas pancadinhas com os dedos para ver se está durinho mas só mesmo depois de passarem 20 minutos é que abro o forno. Caso ponham menos temperatura, têm de deixar ficar mais tempo a cozer).
Retirar do forno, com cuidado espalhe metade do doce de ovos pela superfície do merengue, polvilhe com canela a gosto e, com a ajuda do próprio papel vegetal, enrole com cuidado para formar uma torta e aperte bem o papel.
Deixe arrefecer completamente, e coloque no frigorífico por umas 4 horas.
Com cuidado passe a torta para uma travessa, retire o papel vegetal e apare as pontas da torta (adoro esta parte eheheh porque depois como as aparas!)
Barre a torta com o restante doce de ovos (para fazer aquele efeito das fotos usei uma colher de sopa de doce de ovos e fui espalhando sobre a torta e ajudando com a colher para o creme escorrer para os lados), polvilhe com canela em pó a gosto e sirva bem fresquinha :)


Apreciem ;)

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Mousse de Chocolate


Haverá sobremesa mais básica que uma mousse de chocolate? É tão básica que ainda não havia aqui uma receita ahahahah sabem porquê?! Porque cá em casa ninguém é assim muito fã... então quando há festas nem me lembro de fazer! Desta vez decidi que tinha de fazer e partilhar convosco a minha receita que é uma versão de outra receita que me foi dada por uma amiga. Na versão da minha amiga leva mais manteiga e açúcar, o açúcar acho que fiz bem em cortar agora a manteiga vai depender de como gostam da mousse: se gostam mais mole podem fazer como eu ou até cortar mais a quantidade, se gostam mais durinha então podem usar 250g de manteiga que é como a minha amiga faz ;) 
Quanto ao chocolate escusado será dizer que devem usar um chocolate de culinária bom, gosto muito do 70% de cacau da Pantagruel e achava que o tinha em casa, mas não  tinha e tive de usar outro com  40 % de cacau. A minha mousse ficou boa mas um pouco mais clarinha do que o pretendido.

Vamos lá à receita que me rendeu 10 tacinhas pequenas:

6 ovos à temperatura ambiente
200g de chocolate de culinária 
150g de manteiga amolecida
150g de açúcar  (usei amarelo)
Chantilly e raspas de chocolate para decorar (opcional, só usei porque tinha de sobra)

Comece por separar as gemas das claras.
Passe as gemas por um coador para retirar as películas e evitar o cheiro a ovo, reserve.
Coloque o chocolate partido em pedacinhos num tachinho e leve a lume brando para derreter, reserve para amornar (pode fazer isto no microondas aquecendo de 30 em 30 segundos e mexendo bem).
Numa taça coloque as claras em castelo e bata em castelo e reserve.
Coloque a manteiga e o açúcar numa taça e bata para obter um creme fofo.
Adicione as gemas e bata até obter um creme esbranquiçado.
Junte o chocolate derretido morno e misture bem.
Envolva delicadamente as claras em castelo, com a ajuda de uma espátula, até obter uma mousse bem homogénea.
Distribua por taças (pode colocar numa taça grande se preferir) e leve ao frigorífico umas 4 horas antes de servir para ganhar alguma consistência.
Antes de servir decore a gosto.


Apreciem ;)  

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Molho Cocktail Simples


Desculpem a pausa de 1 semana sem partilhas, houve alterações no meu trabalho e tenho feito viagens diárias de 3 horas de carro... fiquei com pouco tempo (nenhum!) para vir aqui :( estou a tentar adaptar-me às mudanças e a organizar-me ;)
Este fim de semana foi o jantar de aniversário da minha mãe, fiz muitas coisitas boas que trarei em futuras partilhas, mas para hoje tenho este belo molho cocktail simples que é, nada mais nada menos, que uma maionese com ketchup! Para quem quiser pode enriquecer este molho com uma colher de sopa de mostarda e outra de molho inglês... não o fiz porque havia quem não gostasse de mostarda e o molho inglês não tinha!
Para fazer a maionese uso a bimby, para quem não tiver robot de cozinha pode fazer com a varinha mágica seguindo a ordem indicada dos ingredientes.
Vamos lá à receita:

1 ovo
1 colher de sopa de vinagre
Sal e pimenta moída a gosto
50g de azeite
250g de óleo
50g de ketchup

No copo da bimby coloque o ovo, o vinagre e os temperos e bata 10 segundos na velocidade 5.
Sem desligar a bimby deite as gorduras pela tampa, com o copo pequeno posto, e deixe ir escorrendo lentamente tudo para dentro da máquina (todo o processo normalmente dura entre 1:30min e 2 min).
Ps: caso a maionese talhe (aconteceu-me! E acho que tem a ver com o tamanho mais reduzido de algumas gemas de ovo - já que é a gema que emulsiona e ajuda a formar a maionese), retire tudo do copo, adicione outro ovo, ligue a bimby na velocidade 5 e deite a mistura novamente pela tampa com o copo pequeno posto.
Adicione o ketchup e misture 15 segundos na velocidade 4.
Retire para uma taça, envolva bem para homogeneizar, e sirva :)


Apreciem ;) 

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Húmus de Couve-flor


A receita vi no canal da Clara de Sousa, fiquei com vontade de fazer... fomos à horta e as couve-flor estavam a precisar de ser apanhadas... foi logo o mote para experimentar este húmus :)
Fiz apenas metade da receita que aqui partilho, primeiro porque não sabia se ia gostar e depois porque seria muito para duas ou três pessoas.
Podem ver o vídeo original aqui:
https://www.youtube.com/watch?v=gx29m7jv6xE

Vamos então à receita deste paté bem diferente:

500g de couve-flor
Azeite qb
3 colheres de sopa tahini
2 colheres de sopa de sumo de limão 
2 colheres de sopa de azeite
Sal, pimenta moída e paprika a gosto
Salsa, cebolinho e tomilho a gosto (é opcional, usei para dar mais um tempero)

Coloque a couve-flor cortada num tabuleiro, regue com um pouco de azeite e leve ao forno a 180 °C até estar douradinha e assada.
Retire e deixe arrefecer.
Coloque todos os ingredientes num robot de cozinha ou processador de alimentos (usei a bimby) e triture até obter um creme macio (tive de adicionar um pouco se água para ficar mais cremoso).
Sirva polvilhado com um pouco de paprika e com um fio de azeite.


Apreciem ;) 

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Bolo de Marmelada com Canela


E é este o primeiro bolinho do ano :) um bolo que vi partilhada a receita num grupo de facebook (já não me lembro bem qual, sorry!), achei interessante a ideia e guardei a receita para experimentar. Correu super bem, fica um bolo muito bom e bem perfumado e saboroso. A receita vem daqui: 

Vamos lá à receita:

6 ovos
200g de açúcar
200g de marmelada 
125g de farinha
1 colher de chá de canela
1 colher de chá de fermento em pó

Ligue o forno a 180º C.
Separe as gemas das claras.
Bata as claras em castelo e reserve.
Numa taça coloque as gemas e o açúcar e bata por uns 5 minutos.
Adicione a marmelada (antes de adicionar 'amaciei' a marmelada com um garfo para não estar tão durinha) e bata por mais uns 2 minutos.
Adicione a canela, farinha e fermento e envolva alternando com as claras em castelo.
Coloque a massa numa forma untada e enfarinhada e leve ao forno por uns 30 minutos (veja se o bolo está cozido com o teste do palito).
Desenforme e devore :)

Apreciem ;)