sexta-feira, 19 de maio de 2017

Pão de Alho e Queijo (tipo pizza)


Bom dia :)

Pois é, ando super gulosa e só me apetecem coisas menos saudáveis :( mas sabem tão bem ahahahahah

Então um destes dias apeteceu-me um pão de alho com queijo, do tipo daqueles de pizzaria... então pus mão à obra e lá fiz uma bela massa com a ajuda da Bimby.
Para me ajudar, e porque nunca tinha feito um pão deste tipo, fiz uma pesquisa rápida só para saber como fazer a cobertura de alho... acabei por descobrir que é bem simples!!!
A ajuda veio deste sítio: http://mimosdefarinha.blogspot.pt/2011/09/pao-dalho.html

Para o queijo ralado usado nesta receita usei queijo flamengo que tinha no frigorífico e já estava por lá esquecido... resultado: estava bem rijo e não tinha muita utilidade! Então, como o meu ralador da Borner transformei-o em queijo ralado e não houve desperdícios... e ficou igual ao de compra:


Bom, agora vamos lá à receita que fiz... sendo que fiz a massa de pizza Bimby (receita do livro base), mas quem não tem Bimby faz a mesma receita mas amassa à mão:

Massa de pizza  (para 2 pães de alho)
200g de água
50g de azeite
1 colher de chá de sal
400g de farinha sem fermento
5g de levedura seca (ou 10g de fermento de padeiro fresco)

Coloque a água, azeite e sal no copo da Bimby e programe 1 minuto, 37 ºC na velocidade 2.
Adicione a farinha e a levedura e programe 2 minutos na velocidade espiga.
Retire a massa do copo e coloque numa taça, tape com um pano e deixe levedar num local quente por 1 a 2 horas.

Massa de alho e queijo (também para 2 pães de alho)
4 dentes de alho
2 colheres e sopa de azeite
orégãos secos a gosto
queijo ralado a gosto

Comece por descascar os alhos, coloque num almofariz e esmague até transformar em pasta.
Adicione o azeite e misture bem.
Estenda a massa de pizza (numa superfície enfarinhada, usando as mãos - foi o meu caso - ou o rolo da massa) de forma a ficar redonda,como se fosse uma pizza.
Espalhe o creme de alho e azeite pela massa e polvilhe com os orégãos secos.
Leve ao forno a 175 ºC para cozer.
Assim que começar a ficar tostado por cima, polvilhe com o queijo ralado e leve de novo ao forno só para que este derreta.
Sirva ainda quente ;)


Apreciem ;)

terça-feira, 16 de maio de 2017

Bolachas de Limão


Estas bolachinhas são viciantes... mesmo!!! É impossível comer só uma!!!
Também sou suspeita, adoro limão em tudo ;)
Decidi fazer estas bolachinhas porque a minha latinha de biscoitos estava vazia, e também porque gosto sempre de ter umas coisitas destas em casa... ai a gula!

A receita vi num blog, achei simples de fazer e ainda bem que experimentei ;) podem ver a receita original aqui: http://docetentacaodalili.blogspot.pt/2014/03/bolachas-de-limao.html

A receita que partilho é a mesma que está no original, não a mudei porque acho que funciona lindamente... talvez se possa cortar um pouco no açúcar...

Aqui vai a receita (atenção que rende muitas bolachas, por isso faço quase sempre metade da receita usando um ovo de tamanho pequeno):

raspa de 2 limões
250g de margarina amolecida
200g de açúcar
1 ovo
400g de farinha sem fermento
1 colher de chá de fermento em pó

Numa taça colocar todos os ingredientes, misturar com as mãos até obter uma massa homogénea e que não cole às mãos.
Deixar a massa repousar por 1 hora no frigorífico (para que a massa fique mais rija e seja fácil de estender).
Estenda a massa numa superfície enfarinhada e com a ajuda de uma rolo. Corte as bolachinhas nos formatos que gostar (usei cortantes de flor e borboleta) e coloque num tabuleiro polvilhado com farinha.
Leve ao forno para cozer a 175 ºC por 15 minutos (ou até achar que estão cozidas ao vosso gosto - cuidado é para não deixar queimar, que é coisa que acontece com muita facilidades com as bolachas!).
Depois é só devorar :) podem guardar numa lata ou frasco que feche bem mas só depois de frias.


Apreciem ;)

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Bolo de Côco


Hoje é um dia muito especial para mim :) é o 'meu dia' :)
É mesmo caso para dizer: parabéns para mim... mas o bolo é para vocês :)

Vamos lá falar deste bolo (e que bolo!): vi a receita num canal que sigo, o Vai Comer o quê? - por Francielle Nogueira, sigam o canal pois tem mesmo muitas receitas de fazer água na boca ;) Podem ver o vídeo da receita do bolo aqui ou a receita original no blog aqui. Tanto no canal como no blog encontram este bolo mas com cobertura... não fiz a cobertura! Apenas polvilhei com açúcar em pó e decorei com corações de pasta de açúcar :)

Devo dizer que este bolo é tão, mas tão bom!
Fiz para experimentar e depois disso já me pediram (imploraram!) para o voltar a fazer :) e acho que não vai ficar por aqui eheheheheh

Vamos lá à receita deste bolo maravilhoso:

280g de farinha com fermento
170g de margarina à temperatura ambiente
375g de açúcar
3 ovos
250ml de leite e côco (receita)
125g de côco ralado
1 colher de chá de essência de baunilha (receita)
1 colher de chá de fermento em pó
açúcar em pó qb
corações em pasta de açúcar para decorar

Separe as claras das gemas. Reserve as gemas.
Coloque as claras na taça da batedeira e bata até estarem em castelo. Reserve.
Numa taça coloque a margarina e o açúcar e bata por 5 minutos, até obter um creme fofo.
Adicione a gemas, uma a uma, e deixe bater por 1 minuto.
Adicione a baunilha e o côco ralado e misture.
Junte a farinha, o fermento e o leite de côco e misture bem.
Envolva as claras em castelo cuidadosamente.
Coloque a massa numa forma untada e enfarinhada e leve ao forno, a 175 ºC por 40 minutos (faça sempre o teste do palito para ver se o bolo está cozido).
Desenforme e deixe arrefecer.
Polvilhe com açúcar em pó e decore a gosto.

Apreciem ;)
Espero que tenham gostado da ideia e que façam aí por casa ;)
PS: desculpem não ter uma foto da fatia para vos mostrar... mas não fui a tempo!!!

sábado, 13 de maio de 2017

Produtos do mês #8

Aqui vos trago algumas compras que ainda fiz no mês de abril, mas que não podia deixar de vos mostrar:


Fui num destes dias à Terra Pura e por lá comprei o tofu e a TapiocaFit (em breve falo mais desta tapioca e as outras que experimentei); depois no Jumbo comprei uns iogurtes biológicos a metade do preço (estavam em aproximação do fim do prazo de validade) e umas barritas da Prozis a 1€ cada uma!
E tenho mesmo de destacar estas barritas!!! São uma delícia e ótimas para uma refeição rápida antes de um treino (neste caso, foi antes da dança). Quando voltar a ir ao Jumbo hei-de comprar mais barritas noutros sabores. Estas da foto eram de cookies e de caracóis de canela... muito boas!!!


Para os mais curiosos nestes coisas, aqui vos deixo os rótulos (espero que consigam ler!).



A foto que se segue é uma compilação de produtos (as barritas em repetido!) de dois sítios:


No algartalhos comprei as sementes de papoila (são super caras nos outros sítios e neste mini-mercado são bem em conta - se não me engano sãos a 0,69€ a embalagem) e as pipas com sal que são uma perdição e que devora até ficar com os lábios a arder!!!
Depois no modelo-continente comprei a fruta desidratada da Fruut, que não me vou alongar a falar muito pois, como já disse noutras publicações, são as minhas preferidas :) e a novidade:


O côco tostado ao natural da Bio Origens... é uma delícia!!! E ainda por cima estava em promoção, a 0,69€ (em vez de 0,99€). Fiquei fã e vou voltar a comprar, com ou sem promoção ;)

Ainda no modelo-continente comprei estes produtos para a casa e para levar para o trabalho, tudo em promoção e são da marca Kasa:

Todos os produtos estavam com 50% de desconto! Paguei 1,50€ pelas espátulas, 3€ pela marmita e 7€ pelo saco térmico (que é bem grandinho e resistente!).
 As espátulas achei o máximo (e ainda havia umas com smiles com corações nos olhinhos - havia no folheto mas não no local!) e a mais pequena é super prática para raspar bem os copos de iogurte e os frascos:

A marmita para levar para o trabalho, é bem prática, dá para levar a comida e a salada (tem dois andares) e ainda traz os talheres:


quinta-feira, 11 de maio de 2017

Churros


Se há coisa que sempre adorei foram churros! Mas é que gosto mesmo!!! Sei que fazem muito mal (ainda por cima já não tenho vesícula e até passei mal depois de comer estes ainda quentinhos... mas sou super gulosa!!!).

Lembro de ir às feiras e do cheiro dos churros e farturas... e waffles :) ai, gosto de tudo!!!

Bom, antes comprava a revista da Bimby... agora deixei-me disso porque são 2,50€ todos os meses! Não posso dizer que não traga ideias boas, traz... mas ao fim do ano são 30€ só numa revista!!! Agora opto por outras mais em conta (tipo as do continente, lidl e pingo-doce) e só raramente compro outras ;)

Numa dessas revistas da Bimby, a de abril de 2015, veio uma receita de churros... fiquei com tanta vontade de os fazer... mas controlei-me e guardei para experimentar mais tarde! O mais tarde foi no fim de semana passado :) olhem, ficaram tão bons que desapareceram num ápice... eheheheheh
Digam lá, com este ar douradinho (e estavam bem estaladiços!) que não comiam já uns quantos??!!


Vamos lá à receita (atenção que quem não tem Bimby prepara a massa num tachinho e em lume brando, não podem é deixar de fazer!!!):

200 g de farinha (pode ser com ou sem fermento)
1 colher de café de fermento em pó
75 g de margarina
250 g de água
1 colher de café de sal
2 ovos batidos
óleo qb para fritar
açúcar e canela qb para passar os churros

No copo da Bimby (ou num tacho) colocar a margarina, a água e o sal e programar 4 minutos e 30 segundos a 100 ºC na velocidade 1.
Adicionar a farinha e o fermento e misturar 20 segundos na velocidade 4.
Retirar o copo da base e deixar arrefecer por 10 minutos.
Volte a colocar o copo na base da Bimby, tape mas não coloque o copo medidor na tampa. Misture na velocidade 5 e vá adicionando os ovos, aos poucos, através da tampa.
Retire a massa do copo e coloque num saco de pasteleiro com bico tipo estrela e deixar descansar a massa por 10 minutos. Usei um bico destes:

Fonte: http://arteiricesgulosas.pt/categorias/ferramentas-e-utensilios/bicos-e-sacos-de-pasteleiro?sort=p.model&order=DESC
Levar uma frigideira com óleo ao lume, quando o óleo estiver quente frite porções de massa com cerca de 10 cm de comprimento. Vá virando e deixe fritar até estar bem dourado.
Retire para uma rede para escorrer o excesso de óleo (não use papel absorvente, faz com que os fritos não fiquem tão estaladiços!).
Ainda mornos, passe os churros, se quiser, por açúcar e canela.

Apreciem ;)