quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Torta de Claras com Doce de Ovos e Canela


Aqui está uma sobremesa que na família todos gostam e que nunca tinha feito! Havia sempre alguém que comprava na pastelaria e por isso nunca se proporcionou. Até que uma amiga da minha mãe pediu para lhe fazer uma torta destas no Natal... ai ai ai que não tinha nenhuma receita e ainda por cima nas pesquisas que fiz não havia uma única que fosse igual à outra!!! Foi difícil e acabei por usar dicas de várias receitas e fiz a minha própria versão que correu lindamente :) o truque para obter sucesso com este tipo de torta é cozer em temperatura baixa para dar tempo das claras cozinharem e não 'murcharem' depois que sai do forno (abate sempre um bocado, sempre!, mas não muito).


Vamos lá à receita:

Doce de Ovos
12 gemas de ovo
340g de açúcar branco
340 ml de água

Comece por passar as gemas por um coador para retirar as películas e evitar o gosto a exagerado a ovo. 
Num tachinho coloque o açúcar e a água, leve ao lume e deixe ferver por uns 10 minutos para reduzir um pouco e fazer uma calda.
Retire do lume e deixe arrefecer até estar bem morno.
Junte as gemas, mexa bem e leve ao lume brando, mexendo sempre até obter um creme mais espesso (deve ficar com consistência para escorrer pela torta mas não demasiado líquido).
Retire do lume (se achar que ficou com grumos - às vezes deixamos o lume muito alto e as gemas cozem demais - passe o creme acabado de retirar do lume por um coador e esprema bem com uma colher para desfazer os grumos) e deixe arrefecer completamente.

Torta
12 claras de ovo à temperatura ambiente
sumo de meio limão pequeno
12 colheres de sopa de açúcar branco
manteiga para untar e açúcar branco para polvilhar
canela em pó qb para rechear e polvilhar a torta (opcional)

Ligue o forno a 150 ºC (se o forno for muito forte coloque a 125 ºC ou 130 ºC).
Na taça da batedeira coloque as claras e bata até estarem a fazer espuma.
Junte o sumo de limão de deixe bater uns 5 minutos em velocidade alta.
Adicione o açúcar colher a colher e bata mais uns 5 minutos para dissolver bem o açúcar e obter um merengue firme.
Forre um tabuleiro largo do forno (o meu tem cerca de 40 cm por 35 cm) com papel vegetal, unte com manteiga e depois polvilhe com açúcar branco. Coloque o merengue no tabuleiro e espalhe de forma uniforme.
Leve ao forno por 20 minutos (até o merengue estar douradinho por cima e resistente ao toque, dou umas pancadinhas com os dedos para ver se está durinho mas só mesmo depois de passarem 20 minutos é que abro o forno. Caso ponham menos temperatura, têm de deixar ficar mais tempo a cozer).
Retirar do forno, com cuidado espalhe metade do doce de ovos pela superfície do merengue, polvilhe com canela a gosto e, com a ajuda do próprio papel vegetal, enrole com cuidado para formar uma torta e aperte bem o papel.
Deixe arrefecer completamente, e coloque no frigorífico por umas 4 horas.
Com cuidado passe a torta para uma travessa, retire o papel vegetal e apare as pontas da torta (adoro esta parte eheheh porque depois como as aparas!)
Barre a torta com o restante doce de ovos (para fazer aquele efeito das fotos usei uma colher de sopa de doce de ovos e fui espalhando sobre a torta e ajudando com a colher para o creme escorrer para os lados), polvilhe com canela em pó a gosto e sirva bem fresquinha :)


Apreciem ;)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Olá :) muito obrigada pela visita :)
Torne-se seguidor daqui do blog e não deixe de visitar a minha página no facebook :)