sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Pão de Rala


Este doce é típico do Alentejo e nós, cá por casa, adoramos :)

Fiz pela primeira vez talvez há dois natais atrás e fiquei rendida... é uma bomba calórica, é certo, e muito enjoativo (uma pequena fatia e ficamos satisfeitos) mas é maravilhoso!!!

A receita, mais uma vez é de um dos livrinhos da revista Activa: O melhor da doçaria regional portuguesa: Baixo Alentejo.

Cá vai a receita:

350g de amêndo pelada e moída (para pelar amêndoas têm de as escaldar, deixar de molho uns minutos e depois conseguem remover a pele)
350g de áçucar
1,5dl de água
250g de doce de gila (ver aqui como fazer em casa)
250g de doce de ovos (ver aqui como fazer em casa)
1 chávena de chá de fios de ovos + qb para decorar (estes foram de compra)
açúcar em pó qb para decorar

Misture o açúcar com a água e leve ao lume para ferver. Deixe formar uma calda, fervendo por 5 minutos a mistura.
Junte o miolo de amêndoa moído e cozinhe, mexendo sempre, até formar uma massa espessa.
Retire do lume e deixe arrefecer (se achar que ainda está muito mole, leve de novo ao lume para espessar).
Coloque a massa na bancada e trabalhe-a para misturar bem e obter uma pasta homogénea.
Coloque sobre uma folha de papel vegetal, faça uma bola e abra um buraco ao meio. Vá escavando o buraco para formar o local onde vai por o recheio (não deixe as paredes do 'bolo' muito finas para que não parta ao moldar!).
Misture o doce de gila com o doce de ovos e os fios de ovos. Coloque no buraco que fez na massa de amêndoa.
Feche o buraco puxando a massa de amêndoa até conseguir completar o bolo.
Vire o bolo ao contrário.
Leve a cozer, num tabuleiro forrado com papel vegetal, a 175ºC por 20 minutos.
Retire do forno e deixe arrefecer completamente para poder transferir o bolo para um prato.
Polvilhe com açúcar em pó e decore com fios de ovos.

Dá um pouco de trabalho, mas vale muito a pena ;)

Apreciem ;)